a
Todos os direitos reservados 2022
Cardoso & Advogados Associados
.
CNPJ 24.723.912/0001-50

9:00 - 18:00

Abrimos de Segunda - Sexta.

(21) 3189-6625

Aguardamos pelo seu contato

Search
Menu

Fiocruz diz que mortes por Covid seguem em alta apesar de leve queda e vê risco de estagnação em patamar elevado

Cardoso Advogados Associados > Covid  > Fiocruz diz que mortes por Covid seguem em alta apesar de leve queda e vê risco de estagnação em patamar elevado

Fiocruz diz que mortes por Covid seguem em alta apesar de leve queda e vê risco de estagnação em patamar elevado


Fundação diz que restrição de mobilidade e de atividades econômicas estão produzindo ‘êxitos locais’, devem ajudar na redução de casos graves, mas ainda não tiveram impacto no total de mortes e de hospitalizações. Enfermeiro realiza teste PCR em paciente
Denis Balibouse/Reuters/Arquivo
A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) afirma que o número de óbitos por Covid-19 ainda permanece em crescimento no Brasil, apesar de ter apresentado uma leve desaceleração na comparação dos dias 4 a 10 de abril com a semana epidemiológica anterior, segundo o Boletim Extraordinário do Observatório Covid-19 divulgado nesta quarta-feira (14).
Os pesquisadores ressaltam que os dados mostram ainda a “estabilização na incidência de novos casos” e apontam “tendência de desaceleração, mas ainda não de contenção, da epidemia”. Entretanto, a “flexibilização de medidas restritivas pode fazer retomar ritmos acelerados de transmissão e, portanto, de casos graves de Covid-19 nas próximas semanas”.
Brasil bate marca de 4 mil mortes por Covid registradas em um dia pela 1ª vez
Na Semana Epidemiológica 14 (4 a 10 de abril), o Brasil registrou uma média de 3.020 mortos por dia, o que corresponde a um aumento de 1,1% de óbitos ao dia. De acordo com a Fiocruz, o percentual é ligeiramente menor do que o observado no final do mês de março (1,5%).
O número de novos casos diário também aumentou a um percentual de 0,9%, totalizando cerca de 70.200 novos casos diários no intervalo observado.
“Esse padrão pode representar a desaceleração da pandemia, com a formação de um novo patamar, como o ocorrido em meados de 2020, porém com números bastante mais elevados de casos graves e óbitos.” – Boletim da Fiocruz
Citando ainda o alto índice de testes positivos e a permanência do nível crítico de ocupação de UTIs, os pesquisadores afirmam que os dados “mostram que a pandemia pode permanecer em níveis críticos ao longo de abril.”
Taxa de letalidade
Em relação à taxa de letalidade, o percentual que em março era de 3% subiu para 4,3%. No começo do mês de abril, o Brasil superou pela primeira vez a marca de 4 mil mortes por Covid.
A taxa de letalidade se refere à quantidade de pessoas que morreram por uma doença em relação à quantidade de infectados por ela. É diferente do conceito de taxa de mortalidade, que trata da quantidade de pessoas que morreram por uma doença em relação à população total de um lugar.

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.