a
Todos os direitos reservados 2022
Cardoso & Advogados Associados
.
CNPJ 24.723.912/0001-50

9:00 - 18:00

Abrimos de Segunda - Sexta.

(21) 3189-6625

Aguardamos pelo seu contato

Search
Menu

Luiz Felipe Pondé participa de live sobre saúde no pós-pandemia

Cardoso Advogados Associados > Covid  > Luiz Felipe Pondé participa de live sobre saúde no pós-pandemia

Luiz Felipe Pondé participa de live sobre saúde no pós-pandemia

O filósofo Luiz Felipe Pondé participa amanhã, 29, de uma live com o tema “A transformação social e o desenvolvimento da saúde no mundo pós-pandemia”, promovida pelo Instituto SAB (Sociedade Assistencial Bandeirantes), especialista em promover ações na área da saúde, e a Fundação Dom Cabral (FDC). O evento será às 19h, com transmissão ao vivo. Participam também o diretor do Instituto SAB, João Aidar, a diretora do FDC – Centro Social Cardeal Dom Serafim, Nádia Rampi, e o professor associado da FDC Márcio Rabelo.

A parceria entre as duas entidades reuniu 32 gestores de 12 ONGs da área da saúde para  desenvolver suas iniciativas e negócios em busca da sustentabilidade, se aprofundando em temas como Estratégia, Governança, Pessoas, Processos, Mobilização de Recursos, Finanças e Comunicação. O evento de amanhã marca o encerramento desse programa de capacitação.

A capacitação faz parte do BASIS, um programa da FDC que capacita gestores de iniciativas e negócios sociais de pequeno porte com fundamentos de governança e gestão, necessários para obter melhores resultados, buscar a sustentabilidade da organização e realizar o seu propósito. O programa faz parte das ações do FDC — Centro Social Cardeal Dom Serafim. Com a parceria do Instituto SAB, o programa atendeu entidades que fazem parte do ecossistema de saúde.

“Trabalhamos a partir da visão de que é necessário viabilizar um fluxo contínuo de recursos para que as iniciativas sociais e as causas pelas quais trabalham, sejam sustentáveis e permanentes. Nossa parceria com a Fundação Dom Cabral, através do BASIS, tem como propósito elevar as competências estratégicas dos empreendedores sociais que estão à frente de ações de promoção da saúde em suas comunidades e, assim, ampliar o impacto social positivo na sociedade”, afirma Áurea Barros, superintendente do Instituto SAB

Para Maria Raquel Grassi, gerente executiva de desenvolvimento de Organizações Sociais da FDC, investir na capacitação de Organizações da Sociedade Civil é uma maneira inteligente de ampliar o impacto social. “Os recursos investidos voltam para a sociedade por meio de uma oferta de serviços de melhor qualidade, melhor gestão e obtenção de melhores resultados dos seus projetos. O BASIS é um programa transformador”, declara.

Por meio de um edital, foram selecionadas as iniciativas localizadas na região sudeste do país, que já desenvolvem ações promovendo o bem-estar de pessoas. Os representantes participaram, durante oito meses, de trilhas de capacitação desenvolvidas pela FDC para estruturar, reformular e expandir os projetos.

Para Pamela Oliveira do Pretas Ruas, organização social que tem como missão criar oportunidades para que mulheres em situação de rua possam ocupar espaços além da rua, participar do BASIS foi um grande aprendizado, além da troca de experiências com as outras organizações. “Conseguimos montar o nosso planejamento estratégico, de captação de recursos e, principalmente, ajustar as nossas finanças para aumentar o nosso impacto social positivo”, declara.

O presidente do Instituto Karis, organização que realiza projetos para crianças com alta vulnerabilidade social, compara a participação com a troca de um par de óculos. “Abriu conceitos, um verdadeiro descortinar. Compreendemos o planejamento estratégico com um novo olhar, reaprendendo a planejar, gerir e movimentar para alcançar nossos objetivos”, afirma.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | LinkedIn | Twitter | Facebook | Youtube