a
Todos os direitos reservados 2022
Cardoso & Advogados Associados
.
CNPJ 24.723.912/0001-50

9:00 - 18:00

Abrimos de Segunda - Sexta.

(21) 3189-6625

Aguardamos pelo seu contato

Search
Menu

Messi se despede do Barcelona às lágrimas e diz que negocia com PSG

Cardoso Advogados Associados > Covid  > Messi se despede do Barcelona às lágrimas e diz que negocia com PSG

Messi se despede do Barcelona às lágrimas e diz que negocia com PSG

Lionel Messi confirmou, em meio às lágrimas neste domingo, 8, que está deixando o Barcelona após o clube afirmar que não consegue mais pagar os altos salários do craque argentino, acrescentando que está em negociações com o PSG (França) sobre uma possível transferência.

  • Quer investir na bolsa e não sabe como? Aprenda tudo com a EXAME Academy

O jornal francês L´Equipe informou neste domingo que o argentino viaja para a capital francesa neste domingo ou na segunda-feira para realizar exames médicos e finalizar seu contrato com o clube de propriedade da Qatar Sports Investment.

Embora Messi não tenha confirmado que irá definitivamente para o clube parisiense, ele afirmou que pretende continuar jogando enquanto for possível, acrescentando que ainda tem a ambição de conquistar outra Liga dos Campeões.

“Enquanto eu for competitivo e enquanto meu corpo responder [continuarei jogando]”, disse em entrevista coletiva. “Enquanto puder, continuarei competindo”, afirmou.

“Tentei agir com humildade e respeito, e espero que isso seja o que ficará de mim quando deixar o clube”, declarou Messi emocionado enquanto centenas de torcedores, muitos usando sua camisa de número 10, reuniam-se do lado de fora do estádio Camp Nou para dar adeus ao jogador.

“Parece que um balde de água fria foi jogado em mim e ainda estou tentando aceitar isso”, disse em meio às lágrimas.

Foi amplamente divulgado pela imprensa local que Messi permaneceria no Camp Nou, com o jogador admitindo que concordou com um contrato de cinco anos e redução de 50% no salário.

O Barça, cujas dívidas totalizam bem mais de 1 bilhão de euros, não conseguiu fazer o acordo se encaixar nas regras financeiras da liga espanhola, o que provocou o inesperado anúncio na última quinta-feira, 5.