a
Todos os direitos reservados 2022
Cardoso & Advogados Associados
.
CNPJ 24.723.912/0001-50

9:00 - 18:00

Abrimos de Segunda - Sexta.

(21) 3189-6625

Aguardamos pelo seu contato

Search
Menu

Japão descarta 1,63 milhão de doses de vacina da Moderna após contaminação

Cardoso Advogados Associados > Covid  > Japão descarta 1,63 milhão de doses de vacina da Moderna após contaminação

Japão descarta 1,63 milhão de doses de vacina da Moderna após contaminação

O Japão vai descartar 1,63 milhão de doses da vacina anticovid da Moderna, após relatos de contaminação em vários lotes, disseram a empresa farmacêutica Takeda e o Ministério da Saúde nesta quinta-feira (26, noite de quarta-feira em Brasília).

A Takeda, responsável pela venda e distribuição da vacina da Moderna no Japão, informou que “recebeu relatórios de vários centros de vacinação de que substâncias estranhas foram encontradas em frascos lacrados em lotes específicos”.

  • O mundo está mais complexo, mas dá para começar com o básico. Veja como, no Manual do Investidor

“Após consulta ao Ministério da Saúde, decidimos suspender o uso da vacina desses lotes a partir de 26 de agosto”, acrescentou.

A empresa disse que informou a Moderna e solicitou “uma investigação urgente”.

A Moderna não respondeu inicialmente a um pedido para comentar o caso.

A Takeda não especificou a natureza da contaminação, mas disse não ter recebido relatos de problemas de saúde causados pelas doses afetadas.

O Ministério da Saúde japonês disse que trabalhará com a Takeda para obter doses adicionais para evitar atrasos no programa de vacinação no Japão, que se acelerou após um início lento.

Cerca de 43% da população japonesa está totalmente vacinada, mas o país enfrenta um forte surto de infecções causadas pela variante Delta, e várias cidades estão sob restrições sanitárias.

Quer saber tudo sobre o ritmo da vacinação contra a covid-19 no Brasil e no Mundo? Assine a EXAME e fique por dentro.