a
Todos os direitos reservados 2022
Cardoso & Advogados Associados
.
CNPJ 24.723.912/0001-50

9:00 - 18:00

Abrimos de Segunda - Sexta.

(21) 3189-6625

Aguardamos pelo seu contato

Search
Menu

Em Aracaju, prefeito Edvaldo Nogueira promete salto na Educação

Cardoso Advogados Associados > Blog Cadv  > Artigos Jurídicos  > Legislação  > Em Aracaju, prefeito Edvaldo Nogueira promete salto na Educação

Em Aracaju, prefeito Edvaldo Nogueira promete salto na Educação

[ad_1]


Edvaldo Nogueira, prefeito de Aracaju
Reprodução/Facebook
Eleito prefeito de Aracaju (SE) pela quarta vez, Edvaldo Nogueira (PDT) tomou posse nesta sexta-feira em cerimônia realizada no auditório do Tribunal de Justiça de Sergipe, no centro da capital. Também tomaram posse a vice-prefeita Katarina Feitoza (PSD) e os 24 vereadores eleitos no dia 15 de novembro.

“Tenho a honra elevada de comparecer pela quarta vez diante deste parlamento para tomar posse como prefeito de Aracaju. Nos desenhos de futuro que tracei para minha vida, não ousei imaginar tal feito. Aqui fui vereador, vice-prefeito e prefeito”, disse Edvaldo Nogueira ao iniciar a sua fala como prefeito diplomado.

Em seu discurso, ele destacou as dificuldades enfrentadas na gestão anterior e ressaltou o investimento na educação do município que deve fazer nos próximos anos.

“Queremos em quatro anos dar o salto de que a nossa educação precisa. São esses desafios e outros mais que virão, que movem a mim e a minha vice Katarina Feitoza”, disse.

Com 100% das urnas apuradas no 2º turno, Edvaldo obteve 150.823 votos, o que corresponde a 57,86% dos votos válidos. Ele tem 59 anos, foi um dos fundadores do PCdoB em Sergipe, eleito vereador (1988) e reeleito (1992) em Aracaju. Foi eleito vice-prefeito da capital sergipana (2000) e reeleito (2004) junto com o então prefeito Marcelo Déda. Quando Déda se afastou para concorrer ao governo do Estado, Edvaldo assumiu a prefeitura (2006). Foi reeleito prefeito em primeiro turno (2008). E foi mais uma vez eleito para administrar a capital, em 2016. No início deste ano, ele confirmou a filiação ao Partido Democrático Trabalhista (PDT).

Em virtude das restrições impostas pela pandemia, o evento foi restrito, com transmissão ao vivo pela internet. A cerimônia foi iniciada por volta das 15h, com a posse dos vereadores dirigida por Linda Brasil (Psol) – primeira mulher trans a assumir um cargo na Câmara e candidata mais bem votada na capital nas eleições de 2020. Por volta das 17h, foram empossados o prefeito e a vice.

“Espero que tenhamos uma legislatura em que possamos prezar pelo respeito, cordialidade, pelo amor e pelo compromisso com a população de Aracaju na execução de nossas obrigações de fiscalizar o Executivo, com independência e autonomia e propondo projetos e políticas públicas que beneficiem toda a sociedade, principalmente aqueles que mais precisam de condições dignas de sobrevivência”, disse.

Mesa Diretora

Uma chapa única, encabeçada pelo vereador e atual presidente da Câmara, Nitinho Vitale (PSD), concorreu à mesa diretora da Casa, sendo eleito com 21 votos a favor e 3 abstenções – Linda Brasil, Ângela Melo (PT) e Emília Correia (Patriotas).

“Estou no meu sexto mandato. Faço política com muito respeito ao eleitor de Aracaju. Faço política com o coração e com a alma. Descobri aos longos desses quatro anos [como presidente] que para você chegar a um cargo desse você precisa ter lealdade”, disse Nitinho Vitale.

A mesa passa a ter a seguinte composição: Vinícius Porto (PDT) como vice-presidente; Fabiano Oliveira (Progressistas) como 1º secretário; Sgt Byron do Estrelas do Mar (Republicanos), como 2º secretário; e Joaquim do Janelinha (Pros), 3º secretário.

[ad_2]

Source link

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.